Serrana (SP) reduziu 95% das mortes por covid-19 após vacinação em massa com a CoronaVac

0
163
Visualizados

Resultados do estudo clínico realizado na cidade paulista foram apresentados nesta segunda-feira (31/5). Com imunização de 95,7% da população adulta de Serrana, internações pela covid-19 caíram 86% e casos sintomáticos, 80%

O Instituto Butantan divulgou, nesta segunda-feira (31/5), os primeiros resultados oficiais da pesquisa clínica que avaliou a vacinação em massa contra a covid-19 feita com a vacina CoronaVac na cidade de Serrana, em São Paulo. Com a imunização de 95,7% da população com mais de 18 anos, a cidade observou uma redução de 95% das mortes pela covid-19.

Além disso, a vacinação de 27.160 moradores da cidade, que tinha uma população estimada de 45.644 pessoas em 2020, permitiu que fossem reduzidas em 86% as internações pela doença e em 80%, os casos sintomáticos.

Vacina CoronaVac

O diretor médico de pesquisa clínica do Instituto Butantan, Ricardo Palácios, celebrou o resultado da pesquisa, que comprovou a possibilidade de controlar a pandemia com cerca de 75% da população. Isso foi possível porque a cidade foi dividida em quatro grupos para receber a vacina e, antes mesmo do último completar o esquema vacinal com a segunda dose, já foi possível observar queda de casos, internações e óbitos neste.

“No grupo azul, último a ser vacinado na pesquisa clínica, conseguimos que o efeito da vacinação acontecesse uma semana antes da segunda dose. Esse grupo mesmo sem completar o esquema vacinal está tendo um benefício dado pela proteção oferecida pelos outros grupos já vacinados. Essa é uma evidência palpável do efeito indireto da vacinação”, explicou Palácios.

Esse efeito também foi evidenciado de outra forma ao ver que pessoas não vacinadas, como crianças e adolescentes, que não podem tomar a CoronaVac, também apresentaram queda de casos.

Correio Braziliense

Deixe seu comentário

Por favor, digite seu comentário!
Por favor insira seu nome aqui