Caixa Econômica Federal anuncia medidas de apoio aos atingidos pelas chuvas no Rio

0
75
visualizações
Foto: Fernando Frazão / Agência Brasil

A Caixa Econômica Federal anunciou hoje (4) medidas de apoio aos municípios de Angra dos Reis, Belford Roxo, Mangaratiba, Mesquita, Paraty e Nova Iguaçu, no estado do Rio de Janeiro, atingidos pelas fortes chuvas dos últimos dias. A partir de hoje, todas as agências dos municípios afetados passam a abrir às 9h, uma hora mais cedo, para atender a população.

A Caixa informou que vai liberar o saque do FGTS por calamidade nas regiões atingidas pelas enchentes. Os valores serão disponibilizados para saque após decretos municipais declarando o estado de calamidade e reconhecimento do Ministério do Desenvolvimento Regional, por meio de portaria ministerial.

O banco também irá auxiliar as autoridades locais no intuito de agilizar a delimitação das áreas afetadas pela calamidade. Após esta definição os trabalhadores que tiveram suas residências atingidas poderão realizar o saque do FGTS de forma digital, sem necessidade de ir a uma agência, por meio do aplicativo FGTS, na opção saque digital. A solicitação será realizada pelo aplicativo FGTS, opção Meus Saques, no celular, sem necessidade de comparecer a uma agência.

Ao registrar a solicitação, é possível identificar uma conta da Caixa, ou de outra instituição financeira, para receber os valores, sem nenhum custo. O valor máximo para retirada é de R$ 6.220.

Segundo o banco, o caminhão-agência da Caixa está em deslocamento para Angra dos Reis, com chegada prevista para quarta-feira (6). A unidade móvel de atendimento funcionará das 8h às 16h, em endereço a ser divulgado, prestando serviços essenciais à população.

O caminhão oferece os mesmos serviços de uma agência, tais como: atendimento aos beneficiários do Auxílio Brasil, do governo federal; atendimento aos beneficiários do Abono Salarial; pagamento do FGTS; concessão de crédito; auxílio na utilização de aplicativos do banco, como Caixa Tem e app do FGTS, desbloqueio de cartão e senha de contas, dentre outros. A movimentação de dinheiro em espécie estará disponível por meio de caixa eletrônico instalado na unidade.

A Caixa vai possibilitar pausa de até 90 dias nos contratos de financiamento habitacional nas regiões atingidas, mediante solicitação nas agências do banco, a incorporação das prestações no saldo devedor dos clientes inadimplentes das regiões atingidas, mediante solicitação nas agências do banco e também dará suporte aos clientes para acionamento de seguro habitacional e procedimentos para pagamento de indenizações, de forma imediata.

As fortes chuvas que tiveram início no dia 01 de janeiro em Ubatuba causaram estragos no município. A região central ficou alagada, desalojando seis famílias da rua Acre na manhã deste sábado, 02. As 16 pessoas foram levadas para o Ginásio de Esportes Tubão e, ainda pela manhã, foram encaminhadas para a EM Tancredo, onde devem permanecer até a melhora da situação.

O banco também informou que vai disponibilizar equipe técnica, com arquitetos e engenheiros, para ações de assistência em apoio aos municípios, que incluem a operacionalização de repasses de recursos. A instituição disse que enviou aos municípios equipes de especialistas nas áreas de habitação, governo e FGTS para atender a população e prestar apoio técnico às prefeituras, auxiliando em providências urgentes.

“As prefeituras terão o apoio técnico da Caixa para levantamento dos danos e estimativa de custos para a recuperação de obras em andamento ou edificações atingidas, como pontes, vias de acesso, abastecimento de água, postos de saúde e escolas, dentre outras de grande impacto para a população”, disse o banco.

A Caixa ainda realizará pausa no financiamento para hospitais das regiões afetadas, mediante solicitação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui