Bolsonaro diz que vai conceder indulto da graça ao deputado condenado a 8 anos de prisão

0
106
visualizações

A Procuradoria Geral da República (PGR) acusa o deputado Daniel Silveira (PTB-RJ) pelos crimes de coação (uso de força) no curso de um processo judicial, incitação à animosidade entre as Forças Armadas e o STF e por tentativa de impedir o livre exercício dos Poderes da União.

Os crimes aconteceram entre 2020 e 2021, quando ele divulgou vídeos em redes sociais atacando o STF, defendendo uma intervenção militar e ofendendo pessoalmente membros da Corte, diz a acusação.

O deputado foi condenado a oito anos e nove meses de reclusão, inicialmente, em regime fechado, à perda do mandato de deputado federal à suspensão dos seus direitos políticos.

Entre 10 de 11 ministros votaram pela condenação do parlamentar.

O Presidente da República Jair Bolsonaro publicou um vídeo dizendo que vai conceder ao acusado e condenado o indulto da graça (perdão por crimes) que pode ser oferecido pelo presidente da república.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui